Deixa eu te fazer um cafuné

Por algum motivo você entrou na minha vida. E eu na sua. Entrou devagarinho, de mansinho, meio que sem querer ficar e, talvez, por isso mesmo tenha me permitido te deixar entrar.

Ainda não sei quanto tempo nosso encontro vai durar. Quanto temos ainda para sonhar. Nesse intervalo te peço apenas que te sintas feliz ao meu lado. Que não vejas o tempo passar. Não conte as horas.

Esqueça o relógio, o travesseiro e o teu jeito sério. Apenas converse comigo. Abrace-me apertado. Deixa eu te fazer um cafuné.

ID-100340359
freedigitalphotos.net

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *